quarta-feira, 16 de junho de 2010

Presente mais que especial...

Amiga Sartreana

Mais uma colherada de vida
De um sabor doce que derrete
Vai misturando com a saliva
Em meio a conversa que me aquece

Mais noite avistada
De um sorriso que esconde
Foi jogando com a rotina
Com seus amigos vai longe

Me pediu para esquecer...
Me pediu para não contar...
Agora, me pede para escrever

Mas, ela não gosta de rima
Não quer "frescura", nem floreio
Ela não pensa em ser fina
Muito menos em dinheiro
Estar ao seu lado é estressante
Sempre que diz: "-Eu sou é punk!"

Parou de colorir os cabelos
Já que em sua tela não cabiam espelhos
Passou a pintar a sua parede
Seu quarto tem outras formas e cores
Em seus pés os mesmos sapatos vermelhos
Vão deixando um novo rastro de flores

Me pediu para ter cuidado
Me pediu que ficasse ao teu lado
E me disse confusas verdades
Para aprendermos do que é feita a amizade. 


Apoena Grijó

Um comentário:

Rúbia disse...

Que Lindo... meninas, parabéns pela amizade!!!